ea69e12a6bce746fd93ad57205210a38

Fala Focada! Fala Focado!

PUBLICIDADE

Hoje é dia de comentar sobre mais uma boa prática de execução. Estamos em uma série práticas que te ajudam a fazer acontecer. Então mãos à obra!

A técnica chama-se 1-3-5 (um-três-cinco) e se baseia na classificação de importância das tarefas criando três classificações claras, para que você possa fazer a devida priorização.

Basicamente você limita o seu dia a 9 tarefas a serem feitas nele e classifica na seguinte ordem:

01 – Uma tarefa grande que é a mais relevante do dia para fazer primeiro e só sai dela para a próxima depois de concluída;
03 – Três tarefas médias que seriam importantes de serem concluídas no dia;
05 – Cinco tarefas pequenas que se não forem feitas no dia, não haverá maiores consequências.

Pontos Fortes da Técnica 1-3-5:

a) Foco na execução;
b) Foco em priorização;
c) Simplicidade para aplicação.

Pontos Fracos da Técnica 1-3-5:

a) Te mantém preso em tarefas do dia-a-dia;
b) Pode induzir uma procrastinação nas tarefas menos relevantes, ao transferir de um dia para o próximo;
c) Vai te passar uma sensação de insegurança por conta da frustração de ver que não está dando conta das 9 tarefas todos os dias.

A ideia por trás da Técnica 1-3-5 é semelhante a de outras técnicas que focam nessas listas chave para o dia, tais como: Eat the Frog First (coma o sapo primeiro, que nada mais é escolher aquela tarefa mais desagradável ou desgastante para fazer primeiro no dia), Big Rock (segue a mesma linha). A questão é que não é todo dia que temos disponibilidade para focar em 9 tarefas, pois dependendo do tamanho das quatro primeiras seu dia já foi, ou então compromissos de calendário (com hora e local definidos) vão reduzir muito a sua capacidade de riscar as 9 do dia, por outro lado, você vai acabar se limitando a 9 coisas por dia e se houver disponibilidade para fazer mais acabará não fazendo, pois já cumpriu a “bronca do dia”.

Se você já usa o GTD sabe que a metodologia te dá capacidade de olhar a floresta e saber quais árvores são efetivamente as que você terá energia, tempo e são adequadas ao contexto do dia para atacar, então recomendo manter-se nele pois o conceito de execução das tarefas já garante a devida priorização.

Um abraço Focado!

Fernando Sobrinho

Não fique aí quietinho, se quiser dar um pitaco, esse espaço aqui é seu!

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.