resolucao_de_ano_novo

Finzinho de ano e início de um novo não deve ser difícil de ver a seguinte cena: a pessoa dando aquela organizada em papéis, nos arquivos digitais e pensando nos planos para o novo ano, as promessas para ser uma pessoa melhor e aí entram querer emagrecer, querer guardar uma graninha, querer fazer aquele curso de idiomas (agora de forma mais séria), ampliar alguma parte da casa, trocar de carro, estar mais presente na vida dos filhos, etc….

PUBLICIDADE

A lista de desejos é infindável não é? Sabe qual é o problema? Essa lista de vontades em sua grande maioria das vezes acaba sendo só isso mesmo, uma lista qualquer, que será em poucas semanas esquecida e quando a pessoa pisca os olhos, pronto, já é Dezembro de novo e ela vai fazer outra lista… em um ciclo de recriação das frustrações.

Uma coisa que temos que ter claro é que existem várias razões pelas quais os itens das resoluções acabam não se tornando realidade (gênios da lâmpada não existem mesmo!) e essas acabam sendo algumas delas: falta de compromisso, coisas muito difíceis, outras que você acha que deve fazer por alguma pressão social, familiar, mas não é a sua vontade de fato.

Uma forma de transformar seus desejos em realizações, ter a famosa “acabativa”, é criando metas, mas não de qualquer jeito. Você já viu aqui no nosso blog o artigo que eu falo sobre O jeito certo de deixar suas metas mais inteligentes onde eu brinco com os anagramas SMART e SMARTER. Não viu não? Dá um pulo lá assim que acabar esse artigo aqui.

Mas mesmo assim, mesmo criando metas usando o método SMARTER você corre o risco de vê-las abandonadas antes do Carnaval, e esse aspecto está mais relacionado à atitude do que qualquer técnica que exista no mercado. Aliás, a melhor técnica do mundo não resiste a falta de atitude para você fazer qualquer coisa na vida. Mas tem um jeito de você viabilizar que a atitude certa vai fazer você trilhar pelo caminho de realizar aquilo que deseja.

lucifer

Calma, você não precisa fazer nenhum acordo com o Lucifer Morningstar para poder realizar seus desejos, mas eu te garanto uma coisa, você precisa ter uma profunda conexão com o que quer realizar, pois é exatamente essa profunda conexão que vai te ajudar nos momentos que a motivação estiver querendo te largar sozinho com suas metas.

 

Então, antes de querer emagrecer, pergunte-se: por que você quer emagrecer? É por motivo de saúde? É por uma razão estética?
Antes de querer economizar, pergunte-se: por que você economizar? É para comprar um carro novo? É para fazer uma reforma na casa? É para fazer uma viagem?
Antes de querer aprender um idioma, pergunte-se por que você quer aprender um novo idioma? É por um motivo profissional? É porque você vai fazer uma viagem?
Antes de querer um novo emprego, pergunte-se por que você quer um novo emprego? É para ganhar mais? É para se sentir mais realizado?
Antes de querer dar o próximo passo no relacionamento, pergunte-se por que você quer dar o próximo passo no relacionamento? É porque você está bem confiante que você encontrou a pessoa certa? É porque você tem convicção que a pessoa também está certa dessa decisão?
Qualquer desejo pode virar uma meta e virar realidade, mas desde que VOCÊ tenha uma profunda conexão com ele. Por qualquer outro motivo, pressão externa, pressão social, pressão familiar, essas vontades se tornam um fator de frustração, pois é natural ficar chateado e com culpa por não alcançar aquilo que você estabeleceu como resolução de fim de ano.
Para encerrar, saiba de uma coisa, depois de conectar-se profundamente com o seu desejo a ser realizado, venha até o blog e transforme-o em uma meta SMARTER, e depois do Carnaval veja você continuar engajado na realização dele. Inspire-se na dica do Tony Robbins:
quote-life-is-found-in-the-dance-between-your-deepest-desire-and-your-greatest-fear-tony-robbins-58-34-34
Um começo de 2018 focado para você!
Nando Sobrinho

Não fique aí quietinho, se quiser dar um pitaco, esse espaço aqui é seu!

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.